terça-feira, 14 de abril de 2015

Governo do Estado diz em Nota que acusações contra Rosângela Curado não são verdadeiras

Rosangela Curado
Rosângela Curado
O Governo do Estado divulgou Nota, que afirma que as acusações publicadas em Blog da capital direcionadas a Subsecretária de Saúde Rosângela Curado,  “não são verdadeiras” Veja a Nota na íntegra.
 GOVERNO DO MARANHÃO
 SECRETARIA DE COMUNICAÇÃO SOCIAL
                                                               
                                                           NOTA 
Sobre suposta denúncia de eventual cobrança de valores para pagamento de fornecedores em atraso, a Secretaria de Estado da Saúde (SES), esclarece que:
1-     1- São absolutamente inverídicas as acusações atribuídas à secretária adjunta Rosângela Curado;
2-  2- Todos os débitos oriundos da gestão passada estão sendo repactuados e pagos, conforme orientação legal baseada em auditoria realizada pela Secretaria de Transparência e Controle (STC);
3- 3- Todos os servidores públicos da SES são conhecedores dos princípios da administração pública e prezam pela legalidade, impessoalidade, moralidade, publicidade e eficiência das ações;
4-  4- A SES lamenta que factóides sejam criados na tentativa de desviar o foco das ações moralizadoras adotadas pela atual gestão para reestruturar o sistema de saúde pública do Estado.
São Luís, 9 de abril de 2015.
Secretaria de Estado da Saúde
Fonte: SES     

quinta-feira, 10 de outubro de 2013

16 pessoas indiciadas por formação de quadrilha e associação ao tráfico

Das 39 pessoas conduzidas a Superintendência Estadual de Investigação Criminal (Seic) na terça-feira (08), 16 permanecem presas.


















As informações foram repassadas por representantes das forças policiais, civil e militar, que participaram da operação realizada na madrugada de terça-feira (08) em que 39 pessoas foram conduzidas para a Seic suspeitas de envolvimento em uma quadrilha de tráfico de drogas em São Luís, durante coletiva realizada na tarde desta quarta-feira (09) na Secretária de Segurança Pública do Maranhão (SSP-MA).

De todas as pessoas apreendidas, 14 homens e 2 mulheres permanecem presos e irão responder por formação de quadrilha e associação para o tráfico. Segundo informações repassadas durante a coletiva a maioria dos envolvidos já tem passagem pela polícia.
Leilson Barroso Pimenta o Baé e Danilo Augusto Soares que morreu durante troca de tiros com a polícia, eram foragidos da penitenciária de pedrinhas e tinham mandados em aberto.

Entre as pessoas conduzidas e que foram soltas, estavam menores e um deles no momento da operação estava de posse de um revolver calibre 38. O taxista que fazia corridas para a festa foi liberado por que a polícia não obteve informações que confirmem o envolvimento dele com o bando, o Dj também foi liberado, ele foi  um dos fornecedores da festa que estava sendo rastreado pelo serviço de inteligência, o nome não foi divulgado, mas ele costumava está ligado em eventos como este, afirmou o  secretário de segurança pública do Maranhão, Aloisio Mendes. “A polícia trabalhou com vários informes, um deles era que uma grande festa estava sendo realizada. Mapeamos todas as possibilidades, as pessoas que atuam na preparação de festa foram acompanhadas por um período e as informações de mostraram verdadeiras” acrescenta o secretário.

O superintendente da Seic informou que entre as mulheres que estavam na comemoração do aniversario havia menores, parentes de alguns dos  presos e prostitutas.

 Parte dos envolvidos entre eles um menor e o Eriedes Pereira Almeida “Bob” considerado um dos mais perigosos do bando, participaram do arrastão ocorrido no final de semana na Praia do Meio na capital.

A festa foi organizada para comemorar o aniversário de dois traficantes a Williane Correia da Silva conhecida como “Lilica” e “Carlinhos”, em uma casa de ventos alugada no Araçagi. Durante a atuação da polícia alguns bandidos fugiram entre eles “Paiacan” e “Fabinho matador” conhecidos por cometer homicídios.

Três armas foram apreendidas, cinco carros, celulares e joias além de R$ 1. 238 em dinheiro. A polícia investiga se os veículos são roubados ou frutos de financiamentos.
As pessoas presas fazem parte da quadrilha o “Bonde dos 40”, mas Aloisio Mendes informou que é importante não tipificar de qual grupo pertence determinado bando para que eles não se considerem importantes.

“Nós temos por norma não nominar as facções criminosas,  pois isso acaba fortalecendo grupos e elementos que tem baixa periculosidade acabam se apresentando como membros dessas quadrilhas. Nos temos na verdade algo em torno de três facções criminosas que atuam em São Luís e região metropolitana e seus representantes estão na penitenciária”, finaliza.
 
Lista com os nomes dos detidos
 
- Adeilson Figueredo (conhecido como “Drácula”), preso por formação de quadrilha;
- Ailton Soares, preso por formação de quadrilha;
Alexandre Airton, preso por formação de quadrilha;Claudio Costa (“Carreirinha”) preso formação de quadrilha; 
- Euriedes Pereira, (Bob) preso - por formação de quadrilha
- Jonatan Frreira (“Baby”), preso por formação de quadrilha;José Roberto (“Pretinho”), preso por formação de quadrilha;Leilson Barroso (“Baé”), preso por formação de quadrilha;Luis Augusto, preso por formação de quadrilha;Leandro Marques, preso por formação de quadrilha;Moab Santos, preso por formação de quadrilha;Pedro Reginaldo, preso por formação de quadrilha;Silas André, preso por porte ilegal de arma;Willgson Oliveira Costa (Carreirinha)Ana Paula, presa por formação de quadrilha;Williane Correa, presa por formação de quadrilha.

Fonte: O Imparcial

REBELIÃO EM PEDRINHAS - SÃO LUIS-MA

AUMENTA PARA 13 O NÚMERO DE MORTOS CONFIRMADOS NA REBELIÃO EM PEDRINHAS

O motim estourou na Casa de Detenção (CADETt) do Complexo Penitenciário de Pedrinhas, em São Luís no início da noite desta quarta-feira (08)

O número de mortos no Complexo Penitenciário de Pedrinhas aumentou para 13, entre os feridos pelo menos 30. Foram transferidos para o Socorrão II 20 presos feridos, de acordo com as últimas informações divulgadas pela Secretaria de Segurança Pública. Neste momento, a situação já está controlada. Policiais do Batalhão de Choque da Polícia Militar, do Grupo Tático Aéreo e agentes penitenciários se encontram dentro do presídio contendo a rebelião.

A equipe de O Imparcial está no local acompanhando a rebelião. Informações extra-oficiais dão conta de que a maioria dos presos do Bloco A foram assassinados e o número total de mortos pode passar de 20, sendo pelo menos dois carbonizados. Já o número de feridos seria de aproximadamente 40.





As Secretarias de Estado de Justiça e Administração Penitenciária (Sejap), de Segurança Pública (SSP) e de Direitos Humanos, Assistência Social e Cidadania (Sedihc) continuam no local acompanhando o caso. Também acompanham a intervenção o Grupo Tático Aéreo (GTA) e o rabecão. Quatro ambulâncias estão atendem a demanda dos feridos.

Segundo o Secretário-adjunto da Sejap, Késsio Rabelo, os presos tomaram dois pavilhões e cerraram celas para liberar outros presos. Seis pistolas calibre 380, bombas caseiras e outras armas letais foram encontradas.


A ordem para a entrada do Choque foi expedida pela governadora do Estado, Roseana Sarney, há aproximadamente uma hora. O representante da Comissão de Direitos Humanos da OAB, Diogo Cabral, se retirou do local às 22h por não considerar necessária a mediação do órgão já que se trata de um confronto entre duas e gangues e a rebelião não possui pauta de reivindicação. Entretanto, ele afirma que a barbárie e o número de mortos poderiam ter sido evitados caso a intervenção da Tropa de Choque tivesse ocorrido antes. "Estou muito chocado com o que está acontecendo, esta rebelião é pior do que a de 2011", afirmou.

O clima é de muita tensão nos arredores do presídio. Familiares e curiosos aguardam o desenrolar da situação apreensivos do lado de fora. A reportagem de O Imparcial testemunhou ainda a tentativa de alguns familiares de invadir o presídio. Há muito sangue no chão em frente ao Complexo. Um engarrafamento quilométrico se formou na BR-135 por conta do acontecimento.

No Socorrão II, também surge um clima de tensão com um tumulto formado pela chegada dos feridos ao hospital. Segundo moradores do bairro, há rumores de que uma quadrilha se prepara a execução de um dos presos que chegou para ser atendido.

Começo da rebelião

Em nota oficial, o Governo do Estado afirma que a confusão teria se dado em consequência da guerra de facções no presídio e do desmonte do bando conhecido como Bonde dos 40, um dos maiores do estado, com a prisão de 16 integrantes nesta semana em ação da polícia em São Luís.



Késsio Rebelo disse que a rebelião teve início por volta de 18h30, no Pavilhão 2 do Bloco F, durante um procedimento de revista padrão. Os presos se recusaram a receber a revista iniciando um confronto com os agentes. Foi encontrado um túnel que estava sendo escavado pelos presos, em que a fuga aconteceria na madrugada desta quinta-feira (10). O confronto causou desentendimentos entre os presos e resultou na briga entre as facções criminosas "Bonde dos 40" e "TCN".a semana em ação da polícia em São Luís.

Fonte: O Imparcial / ASMOIMP

quarta-feira, 10 de julho de 2013

Professor Iron Vasconcelos é assassinado na porta de casa com 6 tiros de revolver

Iron Vasconcelos foi assassinado por volta de 0: h 40 minutos desta quarta feira na Rua Brasil entre Rua Y e Coriolano Milhomem, I
Iron estava chegando do Show católico da Expoimp com a esposa de moto, dois elementos que vinha a traz em uma moto branco se aproximou do casal e começou a efetuar tiros em Iron, quatro tiros acertaram nas costa tendo ele corrido menos de dois metros e caído no chão, os assassinos se aproximaram e efetuaram mas dois tiros no rosto, a principio pensava que era nove tiros, a pericia informou que os tiros no tórax foi saída de projétil.
Os assassinos não deram voz de assalto e não levaram nada da vitima, a esposa de Iron que saiu correndo pedindo socorro os assassinos não atiram contra a mesma, Populares que moram num prédio próximo a residência informaram a policia que os atiradores fugiram em uma moto branca sentido SENAI, Iron era uma pessoa muito conhecida em Imperatriz, foi professor em varias escolares particulares, Delta, Santa Terezinha e Fest.
O corpo de Iron esta sendo velado na Igreja Nossa Senhora do Perpetuo Socorro, na Rua Iracema com Fortunato Bandeira, Bairro Nova Imperatriz.
Fonte: Noticia da Foto

quinta-feira, 7 de março de 2013

Menor que assumiu a morte de Kevin Beltrán na Bolívia ganha bolsa integral para a faculdade. Pode escolher o curso que quiser. Não pagará um tostão. Quem lhe deu o presente? A Gaviões da Fiel…


ae11 Menor que assumiu a morte de Kevin Beltrán na Bolívia ganha bolsa integral para a faculdade. Pode escolher o curso que quiser. Não pagará um tostão. Quem lhe deu o presente? A Gaviões da Fiel...16 Comentários

A revelação é assombrosa.

Permite qualquer interpretação.
Até as feitas pelos pais de Kevin Beltrán.
E pela Polícia Boliviana.
A Gaviões da Fiel recebeu presente de uma faculdade da Zona Leste.
Um membro da torcida organizada poderá cursar de graça o 3º Grau.
Pode ser o curso que desejar.
A Gaviões escolheu a quem ceder esse privilégio.
A H.A.M.
As siglas são conhecidas.
Pertencem ao menor de 17 anos que disse ter disparado o sinalizador que matou Kevin.
Sua confissão seria peça fundamental para tirar da cadeia os 12 presos em Oruro.
Nove membros da Gaviões e três da Pavilhão Nove.
A revelação da doação da bolsa foi feita pela Folha de S.Paulo.
Advogados asseguram que revelação terá um peso enorme.
A 'confissão' do menor passa a ficar comprometida.
A dúvida é óbvia.
E assustadora.
Ele teria falado em troca da promessa da faculdade?
No Brasil, H.A.M. é menor.
O máximo que pode pegar de punição são três anos na Fundação Casa.
Com a tutela da mãe.
Com bom comportamento poderá estudar e trabalhar.
Ter uma vida normal.
Se tivesse confessado na Bolívia, poderá pegar até 30 anos de cadeia.
A maioridade criminal no país andino começa aos 16 anos.
A defesa dos 12 membros de organizadas presos decidiu.
Não quis juntar a confissão de H.A.M. como prova.
Isso porque as autoridades bolivianas avisaram.
A confissão só seria levada em consideração feita lá.
Onde H.A.M. poderia já sair preso.
O menor 'arrependido' não aceitou viajar até a Bolívia.
A revelação que a Gaviões deu bolsa integral ao menor prejudicará os presos.
Deixa claro uma relação próxima demais entre a organizada e H.A.M.
Tudo fica muito pior quando é analisada a declaração do advogado Ricardo Cabral.
Ele defende a Gaviões e apresentou H.A.M como culpado.
E jurou que a torcida o puniria.
"O menor vai receber uma punição da Gaviões da Fiel.
Por ter levado os sinalizadores sem o consentimento da direção da torcida."
Que punição é essa?
Uma bolsa integral para a faculdade?
A situação é surreal.
E terá repercussão profunda.
Não só na confissão da morte de Kevin.
H.A.M. afirmou ter levado todos os sinalizadores da Gaviões em Oruro.
A polícia pegou dois acusados com uma sacola com seis deles.
E com as mãos sujas de pólvora.
H.A.M. se apresou em dizer que eram dele.
E que teria deixado a sacola quando viu que atingiu o garoto boliviano.
Como a polícia de Oruro pode acreditar?
Um menor sem condições financeiras assumir um crime?
Em um pais onde a punição será irrelevante diante do que poderia acontecer na Bolívia?
E agora a notícia que esse garoto pobre ganhou uma bolsa de estudos integral para a faculdade.
Presente da maior torcida organizada do Corinthians?
A mesma que tem nove membros presos pelo assassinato de Kevin?

Que estranha coincidência é essa?
reproducao11 Menor que assumiu a morte de Kevin Beltrán na Bolívia ganha bolsa integral para a faculdade. Pode escolher o curso que quiser. Não pagará um tostão. Quem lhe deu o presente? A Gaviões da Fiel...

Fonte: Portal R7.com

quarta-feira, 20 de fevereiro de 2013

Universitario do curso Direito da Unisulma é assassinado com dois tiros


 João Augusto Varão da Silva, 22 anos , era estudante do 3º periodo do curso Direito noturno da UNISULMA e morador da Rua Rio Grande do Norte, Bairro Santa Rita foi assassinado com dois tiros de revolver por volta das 19: 30 min na Rua Alagoas proximo a Padre Cicero, o mesmo volta da Universidade quando foi assassinado, populares falaram no local que o assassino ao chegar de frente com vitima efetuou um disparo na cabeça de Joao Augusto em seguida efetuou outro disparo na costa do mesmo e fugiu é pé levando a mochila da vitima. Logo mais a frente o assassinto rendeu um policial militar que estava saindo de uma academia e roubou do mesmo a moto broz preta fugindo sentido Bairro São Jose, meia hora depois a moto foi abandonada proximo ao posto de Saude do São Jose.  Os policias logo chegaram no local onde encontram dentro na cintura da vitima um revolver calibre 38 com cinco munições intactas, a mochila da vitima foi encontrada nas imediações do crime, a policia inicialmente trabalha numa linha de investigação que o crime tenha sido latrocinio, a mãe do Universitario é a professora da Rede Estadual de ensino Helia Varão, João Augusto tinha recebido ameaças de morte, o velorio esta acontecendo em sua residencia na Rua Rio Grande do Norte, Bairro Santa Rita.    
Fonte: Noticia da Foto

sexta-feira, 1 de fevereiro de 2013

HOMEM É MORTO A TIROS NA VILA MUTIRÃO


No dia 31/01/2013 por volta 21hs aconteceu mais um assassinato em Imperatriz a vitima Márcio Santos Sousa, 37 anos, o mesmo foi alvejado com 3  tiros, sendo um nas costas, outro no braço esquerdo, e outro na região do tórax de raspão, a vitima tinha sido preso no dia 28 de Novembro de 2012 acusado de tráfico
Veja matéria abaixo.
















O crime aconteceu na Vila Mutirão na Rua Boa Esperança.
No dia 28-11-2012 a Policia Militar estoura  mais uma "boca de fumo"  no Pq. Amazonas na Rua Rio Verde e apreendeu  um revolver calibre 38,  muitas munições, drogas, e uma grande quantia de pedras de crack, e uma quantia  de 3.537,00 Reais. Apreensão ocorreu na residência de mesmo afirmou que vendia drogas para Márcio. A policia militar apresentou Márcio Santos Sousa, foi preso também Damião da Conceição Silva, os dois acusados no plantão central de policia civil de  imperatriz, juntamente com tudo que foi apreendido.